Muitas pessoas fundamentam o seu próprio valor no que as outras pessoas pensam a seu respeito. Elas se preocupam se as pessoas gostam delas, se as aprovam ou se acham que elas são importantes. Por causa dessas inseguranças, estão constantemente bajulando as pessoas, tentando conquistar o favor delas e atender a todas as expectativas dos outros.

Quando age assim, você se predispõe a ser controlado e manipulado. Você permite que os outros o coloque em uma caixa. Algumas pessoas não seguem os seus sonhos porque estão muito preocupadas em perder as boas graças dos outros. Você pode perder a aprovação dos outros se seguir os seus próprios sonhos, mas se seus amigos só o aprovam quando você atende as expectativas deles, eles não são amigos de verdade. Eles são manipuladores e controladores.

Há uma verdadeira liberdade quando você percebe que não precisa da aprovação dos outros, afinal, você tem a aprovação do Deus Todo-Poderoso. Não tente manter todos a sua volta felizes. Você precisa ser seguro o bastante para dizer: “Eu amo você, mas não vou permitir que você me controle. Talvez você não me dê sua benção, mas tudo bem. Tenho a benção de Deus.

Assuma o controle da sua vida. Tenha a sua própria identidade. Se você está sendo manipulado e pressionado a se tornar alguém que não é, isso não é culpa da outra pessoa – a culpa é sua. Você controla o seu destino. Você pode ser gentil. Você pode ser respeitoso. Mas não permita que ninguém o faça se sentir culpado por ser quem você é.

A vida é curta demais, por isso não gaste seu tempo tentando manter os outros felizes. Você não pode agradar a todos. Para cumprir o seu destino, permaneça fiel a sua identidade. Seja o melhor de você mesmo. Não deixe que ninguém nem nada tente colocá-lo dentro de uma fôrma.